Divas

Quem foi Jeanne Baret?

Acabei de receber do Bernardo via WhatsApp e achei sensacional! Tipo de história que a Tamara Klink tem que contar uma hora destas!

Jeanne Baret

Jeanne Baret

Nascida em Borgonha, na França, Jeanne é reconhecida como sendo a primeira mulher a circum-navegar o globo. Um ícone na navegação feminina Jeanne teve que se disfarçar de homem e se alistar com o nome de Jean Baret, nome do seu pai, para estar nas fragatas francesas La Bouseuse e Étoile do grande navegador francês, o conde Louis Antoine de Bougainville.

No ano de 1785, reconhecida pelo Ministério da Marinha francês pela sua grande contribuição à expedição de Bougainville, começou a receber uma pensão de 200 libras por ano por tudo que representou à navegação francesa.

Abaixo registro do Ministério da Marinha francês:

“Jeanne Barré, por meio de um disfarce, circunavegou o globo em um dos navios comandados por Sr. Bougainville. Ela dedicou-se, em particular, a ajudar o Sr. Commerson, naturalista e botânico, e compartilhou com grande coragem os trabalhos e os perigos desta jornada. Seu comportamento era exemplar e o Sr. Bougainville se refere a ela com todo mérito … Sua Senhoria tem sido gentil o suficiente para conceder a esta extraordinária mulher uma pensão de duzentas libras por ano a ser retirada do fundo para militares inválidos e esta pensão será paga a partir de 1 de Janeiro de 1785.”

Uma grande homenagem a uma grande mulher. Que mesmo séculos depois, seus feitos e seu mérito acoem e reverberem por todo o meio náutico desse planeta.

Texto Cap. Herman Junior

O Girl Talk HQ conta a história de 7 mulheres sensacionais que desbravaram o mundo! Confere neste link: 7 Trailblazing Women In Travel History Who You Need To Know About

O site espanhol Oceánicas também conta a jornada da bióloga exploradora

esboços dos doodles feitos pela desenhista Sophie Diao

SOBRE O GOOGLE DOODLE

Para criar o Doodle, a ilustradora Sophie Diao abordou o perfil explorador de Jeanne Baret. “Comecei reunindo referências que poderiam ser inspiradoras – mapas náuticos da década de 1760, amostras botânicas, ilustrações feitas anteriormente por Jeanne Baret. Eu queria que o Doodle combinasse seu lado botânico com seu lado aventureiro. Ser a primeira mulher a circunavegar o globo não é pouca coisa”.

Durante a confecção da imagem, a doodler quis utilizar os bougainvilles como peça obrigatória da ilustração. “Jeanne Baret tirou uma amostra dessa videira em flor quando viajava pelo Brasil. Eu sempre amei esta planta e definitivamente queria incluí-la”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s